quinta-feira, 21 de julho de 2016

Ame até seus defeitos, eles tornam quem você realmente é!

Todos os dias eu descubro que ser eu mesma me trás muitas coisas boas, mas ao mesmo tempo eu me vejo nas trevas por isso, mas é como todo mundo diz, na vida sempre encontraremos pontos positivos e negativos para tudo. 
Há algum tempo que eu tento me esconder atrás de muitas máscaras, mas hoje já consegui tirar algumas, esse processo ainda é um pouco doloroso, então eu vou caminhando de vagar até o meu eu, é estranho falar assim, mas é verdade, é como se eu nunca soubesse quem eu sou realmente, de tempo em tempo tive alguma personalidade, mas no meu interior era sempre uma bagunça. 
Eu era acostumada a ouvir, "nossa você sorri tanto, parece que não tem nenhum problema", então essa foi a primeira mascara que eu tirei, porque não sou obrigada a sorrir quando eu não quero, só para agradar os outros, se eu quiser estar brava eu vou estar, se eu quiser estar triste vou demonstrar, porque sou ser humano e ser humano tem sentimento. 
Eu sempre achei que o mundo girava em torno das pessoas que estavam ao meu redor, então se elas estivessem bem eu também estava, parei de ser assim, agora eu tento pensar mais em mim, porque nem sempre terá alguém pensando se eu estou bem ou não e eu percebi isso pelo simples fato de que toda vez que preciso falar sobre algo mais profundo, corro para o blog e não para um amigo, aliás será que algum amigo meu está lendo isso (eu acho que não), mas talvez o que seja importante para um, não seja para o outro, então estou desapegando do fato de precisar sempre ter uma "muleta" ao meu lado, no momento certo sei que as pessoas certas estarão lá, não que agora elas não estejam, mas eu afastei elas por enquanto, é mais fácil se descobrir quando você não tem muitas influências ao seu lado.
Como eu descobri que eu não era o que eu realmente era? Aqui no blog mesmo, olhando minhas postagens antigas eu vi que eu tentava chamar atenção do jeito fútil, eu tentava me sentir especial com o tanto de visualizações e comentários que eu tinha (que bobagem, eu sei), bem hoje em dia eu to cagando para isso, voltei para escrever sobre sentimento e pensamentos, não para escrever o que os outros queiram ler, porque essa sou eu, e entre várias pessoas no mundo, algumas se identificaram comigo e fim! 
Descubra-se, torne-se quem você quer ser, se você quer ser aquela pessoa que todos odeiam, seja, se você quer ser amada, seja, mas seja amada por seus defeitos, não por suas qualidades, porque as qualidades são fáceis de ser aturadas....


(Imagem retirada do site dezenove vinte)

segunda-feira, 18 de julho de 2016

O dia de amanhã pode nem existir....

Há alguns dias que tenho pensando em uma conversa que tive com a minha mãe...Nós estávamos tomando café da manhã e falando sobre como a vida é longa, mas como aproveitamos pouco dela, e ela me contou uma conversa que ela teve com minha bisavó que já faleceu. 
Quando minha bisavó já estava bem doente, minha mãe foi dormir com ela, e quando era bem de manhãzinha minha mãe viu ela na sacada, já acordada. Então ela foi perguntar porque ela tinha perdido o sonho, minha bisavó respondeu que era porque estava pensando muito na vida nos últimos dias, então minha mãe perguntou no que ela gostava de pensar, ela então disse: "Paula (nome da minha mãe) você tem 24 anos certo? E eu aposto que tem muitas recordações, não tem? Agora imagine eu com quase o triplo da sua idade, quantas coisas eu já vivi, quantas coisas já me aconteceram, eu fico pensando em meus momentos felizes, meus momentos tristes, imagino como foi a vida de todos os amigos que já tive na vida, o que será que eles fizeram, se eles foram felizes...Eu fui muito feliz, mas ao mesmo tempo penso em quanta coisa deixei passar, quantas coisas eu poderia ter feito mas não fiz, isso é triste, porque agora eu estou morrendo, e não posso mais fazer nada!".
Eu sei é cruel pensar nisso, um dia realmente vamos morrer, e quando nos dermos conta de que isso está chegando, será que vamos nos sentir satisfeito com as coisas que fizemos? 
Eu espero sorrir muito na minha vida, viajar muito para conhecer culturas e costumes diferentes dos meus, quero amar muito, fazer amigos que façam a diferença, ter momentos que façam a diferença, quero poder me lembrar de cada detalhe da minha vida, e espero que quando eu esteja velha na sacada conversando com a minha neta eu possa dizer "estou satisfeita por ter acertado tantas vezes, errado de vez em quando, sorrido muito e amado sempre, satisfeita por ter dado valor as pessoas e não ao dinheiro!" 
Pensei no que vocês querem dizer aos seus netos também, nunca é tarde para recomeçar.....

Bisavó e mamãe 

quarta-feira, 13 de julho de 2016

Sexo entre gays em novela!

Ontem (dia 12/07/2016) foi exibido pela primeira fez em uma emissora de televisão a cena de um casal gay transando, fazendo amor, fazendo sexo! Fiquei horrorizada, não com as cenas, mas com o tanto de pessoas preconceituosas, dentro e fora da minha família, não tenho nem palavras para expressar o quanto estou indignada com isso e ainda vi que muitos esconderam sua homofobia por trás de frases como " crianças poderiam ter visto toda aquela putaria", "não é por ser gay, é pela putaria", "Deus diz que o correto sempre foi um homem com uma mulher". Vamos pontuar algumas coisas, primeiro, a novela foi exibida 9 hrs da noite, horário que uma criança já deve estar dormindo ou estar assistindo a desenhos e não a uma novela. Segundo, na tv sempre, digo SEMPRE vimos putaria, eu tenho 16 anos, então digamos que comecei a ver televisão com 6 anos, há 10 anos vejo os casais (homem e mulher) fazendo sexo, mas NUNCA vi ninguém nas redes sociais indignados com isso, então não me venham com esse papo furado de "é pela putaria" porque isso é mentira, isso são vocês mesmo mentindo para vocês mesmos, isso é seu preconceito disfarçado em uma frase. E terceiro e talvez o que me deixe com mais raiva, essa história de usar a igreja para esconder tudo, ah me poupem dessa ladainha de "Deus fez um padrão de uma família", isso é mentira, sou cristã e muito crente em Deus, e tudo o que eu sempre ouvi foi " Deus veio para colocar o amor em nossos corações" e ser homofóbico e não aceitar uma pessoa por ter feito uma escolha diferente da sua, não significa amar o próximo né! Eu nunca vi na Bíblia escrito, "se você ser homossexual vai para o inferno" ou seja lá para onde essa pessoa será mandada...Então parem de usar a igreja como desculpa para essas bostas que saem da boca de vocês! 
A minha vontade é de vomitar a minha indignação nessa cara suja de vocês! 
E digo, meus parabéns a vocês homossexuais, que enfrentam esse tipo de preconceito todos os dias, vocês são realmente vencedores, porque é bem difícil colocar na cabeça das pessoas que cada um beija, transa, se apaixona por quem quiser!  


imagem da novela da globo (retirada do site Blasting News).

segunda-feira, 11 de julho de 2016

O calor do verão!

Eu gosto do verão, eu sinto o sol tocando meu corpo e eu sinto como ele é real, porque eu posso senti-lo. Eu gosto do verão, porque sinto o vento tocando meu rosto, e eu sei que ele é real porque posso senti-lo. Eu gosto do verão, porque quando sinto calor posso me refrescar com um picolé, que toca minha boca, e eu sei que ele é real, porque posso senti-lo. Eu gosto do verão porque sempre vejo as crianças na rua, brincando, e me lembro do quanto minha infância foi real, porque posso me lembrar e por isso sei o quanto é real. Eu gosto do verão pelos passeios que posso escolher fazer, como ir ao um parque sentir a grama gelada, ir a praia e sentir a areia quente, pisar descalço no chão e me sentir aliviada por todos os pesos se desprenderem de mim, e eu sei que isso é real, porque posso sentir. Verão pra mim é luz, vida, esperança, alegria, emoção, brilho, sonho, imaginação, é dormir e acordar, é ver uma nuvem branquinha em um céu azul, ver uma árvore com folhas verdinhas, é como um algodão doce, é como mexer na bolsa da mãe e achar chocolate, é como ganhar presente. Verão me lembra todas as vezes que eu sorri, todos os natais felizes que eu tive, todos os dias de aniversário, me lembra o encontro com as pessoas que mais gostei na minha vida, por isso o verão é minha época do ano favorita, é a época que eu espero sempre ansiosamente, para fazer novas coisas e repetir coisas velhas. 






sexta-feira, 8 de julho de 2016

Os nossos grandes sonhos pequenos...

As vezes eu penso no que temos que fazer para manter um sonho, não aquele sonho de quando dormimos e viajamos, mas aquele de que criamos na nossa cabeça e sempre quando resolvemos pensar na vida futura, esse sonho é o que está por primeiro. Acho que nos dias de hoje é mais fácil recorrer a mídia quando não nos sentimos bem, por isso eu escolho esse lugar, pois sei que posso escrever algo pensando que 1 pessoa possa ler e pensar "caraca já pensei nisso", por mais que seja difícil encontrar alguém por aqui lendo. Eu sei que gosto de misturar os assuntos, acho que é meu jeito de fugir da realidade que me prende e desse modo me obrigo a voltar pensar, porque somos obrigados a ter sonhos. Uma vez na escola, a professora passou uma atividade, cuja tínhamos que escrever 3 dos nossos maiores sonhos, depois guardar o papel e reler ele só depois de adulto, infelizmente quando a aula acabou eu ainda não tinha conseguido pensar no que escrever e quando eu cheguei em casa deitei na cama e continuei pensando no porque aquilo era tão importante. As pessoas dizem que é uma forma de fazer planos e realiza-los, está mais para aqueles planos impossíveis, e acho que é por isso que nunca consegui ter um sonho, não consigo pensar em algo impossível que eu possa querer, talvez eu esteja vendo a vida de uma modo muito racional e cruel, mas o que eu poderia pedir da minha vida? Sonhar em ter uma grande casa? Viajar para fora do país? Ter 3 lindos filhos? me casar?  Ter muito dinheiro? Mas do que tudo isso valeria no final de tudo? Quando eu estiver velha nos meus últimos segundos de vida, será que eu me orgulharia desses sonhos fúteis? Eu particularmente acho que não, por isso vou continuar pensando qual seria a melhor forma de descobrir qual seria o meu grande sonho impossível!